O Entrudo Chocalheiro

1893 vues

O ENTRUDO CHOCALHEIRO

 

É tempo de Carnaval em Podence... e os mascarados suspendem o tempo, como suspensos se encontram os enchidos no fumeiro. Decretam a boémia, o riso e o excesso, como decretado está também o seu inevitável e cíclico fim.

Em pleno Entrudo, os “Caretos” saem à rua em alvoroço chocalheiro, procurando sobretudo as mulheres, novas e velhas, para as “chocalharem” e para se assumirem como os “donos” dos espaços públicos e até dos privados – que invadem com matreirice, cumplicidade ou passiva anuência dos seus moradores.

 

Sedutores e misteriosos, os Caretos guardam a magia dos tempo sem que as histórias junto à lareira franqueavam a entrada em mundos de sonho. A eles tudo se permite; o anonimato dá-lhes prerrogativas: dá-lhes poder. Por dois dias no ano os homens são crianças e quem mais brinca mais poder tem.

 

fonte : folclore one-line.com

Viv Vila Verde, fevereiro 2015